Créditos da imagem - RC Goleiros

Sport bate recorde de títulos e entra para a história do futsal pernambucano

2017 foi um ano para ficar na história do Sport Club do Recife no futsal. O time conquistou praticamente todos os títulos que disputou na temporada, em diferentes categorias, e foi sem dúvidas a grande equipe do ano. A principal conquista foi a Taça Brasil sub-20, em julho, com direito a vitória em cima do Corinthians, disparado o melhor clube na categoria e dono de um investimento maior que os R$ 30 mil mensais, enquanto o time pernambucano não passa dos R$ 7 mil.

O Rubro-Negro também levantou a Taça na categoria sub-15, disputada na quadra do Retrô F.C, em Aldeia, sobre o COPM/Bombeiros do Ceará. Além destes títulos de competições da Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), coloque ainda na galeria rubro-negra o troféu de campeão da Supercopa de Futsal no sub-11, torneio disputado em Balneário Camboriú-SC.

Mas todos estes títulos não foram por acaso, eles são frutos de um bom trabalho feito no clube que vem desde as categorias menores, sub-07,08 e assim por diante. No sub-8 o time também sagrou-se campeão Pernambucano.

“Cheguei no Sport em 2011 e em pouco tempo já estávamos participando de competições em todo o Brasil. Ao longo dos anos a nossa estrutura foi crescendo e hoje o Sport é um clube respeitado em todo o Brasil. A tendência é melhorar a cada ano que passa”, contou o técnico Felipe Portela (Pipa), treinador das categorias mais novas do clube.

VIRADAS

Entre as consagrações do Sport neste ano duas foram especiais – as categorias 17 e 20 sobre Santa Cruz e Náutico, respectivamente. Além de vencer os maiores rivais, os títulos vieram com resultados pouco prováveis para o Leão. Nas duas situações o time perdeu o primeiro jogo e para ficar com o título precisava vencer no tempo normal (qualquer placar) e ao menos empatar na prorrogação.

O Sport transformou o quase impossível em realidade e superou tricolores e alvirrubros nas duas decisões. É importante lembrar também que tanto o elenco do 20, quanto o do sub-17 sofreram mudanças ao longo do ano. No time sub-20 mais de 8 atletas deixaram o clube após o título da Taça Brasil e mesmo assim a comissão técnica montou um grupo forte em pouco tempo.

“Os atletas que chegam no clube hoje já sabem como é o nosso estilo de jogo, como atacamos e como defendemos. Essa coerência acontece há anos, é uma marca que estamos criando no clube. Agradeço a Deus por isso e vamos tentar dar continuidade no ano que vem”, acrescenta Vanildo Neto.

JÁ VAI RENAN?

Parece difícil acreditar mas um treinador acabou chamando mais atenção que o próprio Sport este ano. Renan Franklin esteve à frente no título sub-20 e como auxiliar no 15 da Taça Brasil. Conquistas que chamaram a atenção da alta cúpula do futsal brasileiro, que resolveu apostar no treinador para comandar a Seleção Brasileira sub-20. A missão – O título do Sul-Americano da categoria, na Colômbia.

Renan levou na bagagem o ala Marcílio Max (também do Sport) e juntos trouxeram a taça de campeão para Pernambuco. Marcílio durou pouco tempo e foi levado para a Assoeva do Rio Grande do Sul. Renan encerrou a temporada mas não deve seguir no comando do Sport. O futuro é incerto mas reserva coisas boas ao treinador de 28 anos. Companheiros já falam em tom de despedida, inclusive.

“Estou com Renan há seis anos, fizemos um trabalho muito bom junto com outras pessoas que passaram pelo clube, como Fabiano Chokito e André Moreira. Sem ele (Renan) vamos tentar dar continuidade ao bom trabalho que vínhamos fazendo”, disse Neto.

TÍTULOS DO SPORT EM 2017 –

Estaduais – sub-8, 11, 12, 13, 14, 15, 17 e 20

Nacionais – Taças Brasil (Divisão Especial) – sub-15 e 20 / Supercopa de Futsal – sub-11

 

 

Compartilhe:
Matheus Silva

Jornalista com vasta experiência em coberturas esportivas, apaixonado por Futsal e atualmente Editor do Info Futsal.